terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Cyril Despres - mui amigo


Vejam só, que safado. Depois de receber ajuda do português Paulo Gonçalves para sair de um lamaçal, o francês Cyril Despres deixou o companheiro (se é que se pode falar assim) na mão e seguiu seu caminho.
Belo exemplo hein amigo?

6 comentários:

Condecroft disse...

Vergonhosa atitude.

Newton disse...

Youssef, não sei como mandar e-mail para você, vai por aqui mesmo.

Viu essa atitude de outro "grande" no Dakar, o francês Peterhansen?

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=PWfq1A3ecAg

Por isso que alguns amigos argentinos dizem que o verdadeiro espírito do Dakar só está do 15º colocado para trás.

Abraços

Aderpa disse...

Bom, não sei se foi isso mesmo que aconteceu, pois achei as cenas muito confusas. Mas, se foram mesmo estes os fatos, acho que foi muita falta de espírito esportivo por parte do francês. Conduta reprovável e digna de xingamento.

Camata disse...

Se a parada foi essa... feio hein. Se cada um estivesse por si, aí seria justo. "Cada um com seus problemas". Mas o cara ajudou! Merecia uma retribuição.

Camata disse...

Aqui está melhor: http://www.youtube.com/watch?v=bWYIP2g6NDQ&feature=related

Blog Maldito disse...

Momento muito vergonhoso no esporte. Mas isso queima o filme do cara. Se ele precisar de ajuda novamente, e ele vai precisar mais cedo ou mais tarde, é provável que não receba ajuda alguma. Afinal de contas, você ajudaria alguém que não faz o mesmo por você?